Concurso Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul

Concurso Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul: O Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul abriu inscrições para o cargo de auditor público externo para atuar no órgão.

Concurso Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul

Os interessados em participar do processo seletivo precisam se inscrever até o dia 6 de julho para se inscrever.

Caso tenha perdido a data, sempre estaremos divulgados as novas notícias de concursos aqui no blog, acompanhe para não perder nenhuma publicação.

Cargos Abertos para Concurso no Tribunal de Contas Gaúcho

O Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul iniciou seu processo seletivo para o preenchimento de 18 vagas para o cargo de auditor público externo, sendo seis para bacharéis em administração pública ou de empresas, seis para bacharéis em ciências econômicas e seis voltadas a bacharéis em direito.

O concurso prevê ainda a formação de vagas para cadastro de reserva.

Neste caso, os aprovados poderão assumir, em até dois anos após a realização do concurso, uma vaga para o cargo de auditor público externo, em caso de afastamento de um dos titulares anteriores do posto.

Atribuições do cargo

O auditor público externo é o responsável por fazer a auditoria das contas externas do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul.

É esse profissional que avalia, por exemplo, se as despesas informadas por governantes e integrantes do funcionalismo público estão corretas.

O auditor público externo é responsável, ainda, por autuar aqueles que estejam fraudando as finanças públicas. Eles identificam, ainda, desvio de verbas, documentos irregulares ou podem também contestar operações realizadas por e com entidades públicas.

Além disso, é trabalho do auditor público externo rejeitar contas informadas por administradores públicos e questionar a comprovação de gastos com viagens ou aquisição de materiais de escritório, veículos e alimentos para eventos organizados pelo cerimonial.

Salário

Apesar dos desafios que rondam a profissão, os vencimentos do auditor público externo são bastante atraentes, principalmente para quem busca ingressar no funcionalismo público em uma carreira onde possa fazer a diferença.

Os aprovados no processo seletivo recebem, mensalmente, uma remuneração de R$ 16.396,06, referentes a uma carga horária semanal de 40 horas.

Edital do Concurso para o Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul

Tem formação em alguma das áreas que citamos aqui, está em busca de uma carreira desafiadora e quer fazer a diferença no funcionalismo público? Então você pode conferir tudo sobre o concurso do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul nesse link:

http://www.concursosfcc.com.br/concursos/tcers117/edital_publicado_em_29-05-18.pdf

No endereço, o candidato poderá conferir cada uma das regras para a participação nesse processo seletivo.

Aqui, é preciso, além de ter um diploma que comprove a conclusão dos cursos cobrados no concurso (administração pública ou de empresas, ciências econômicas ou direito), estar em dia com as obrigações militares (caso o candidato seja homem) e eleitorais, ser maior de 18 anos e ter uma vida privada completamente livre de processos ou outros incidentes com a lei.

Avaliação

A prova aplicada para os candidatos ao concurso do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul está dividida em duas fases.

Na primeira delas é aplicada uma avaliação objetiva e, na segunda fase, os candidatos respondem uma prova dissertativa.

As duas etapas são eliminatórias e, ao final, será necessária ainda a entrega dos documentos exigidos e a comprovação de que o candidato está apto a assumir o cargo.

Inscrições Para o Concurso do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul

Está em busca de uma carreira empolgante no funcionalismo público gaúcho? Quer participar do concurso do TJ?

Então, você deve clicar no site da Fundação Carlos Chagas, organizadora do concurso e realizar sua inscrição.

É preciso, ainda, realizar o pagamento de uma taxa de inscrição, no valor de R$ 187,77. Os candidatos que comprovarem não ter capacidade financeira de quitar esse valor poderão ficar isentos da taxa.

Comentários estão fechados.